Vale a pena ter Cartão de Crédito?

O crescimento da indústria de cartão de crédito no Brasil é inegável. Se você ainda não possui um, e não sabe ao certo se são vantajosos, vale lembrar que, desde que utilizados de forma consciente, os cartões são sim um instrumento importante na gestão das suas finanças pessoais.

Mesmo para quem não tem a intenção de usar a opção de crédito rotativo do cartão, vale a pena possuir ao menos um cartão. O uso do cartão permite, por exemplo, que você não tenha que carregar uma grande quantia de dinheiro e até mesmo talão de cheques, o que significa maior comodidade e segurança.

Segurança e comodidade
Como a administradora do cartão se compromete com o pagamento das compras, o pagamento em cartão funciona como um crédito pré-aprovado, de forma que você não precisa comprovar nada, a não ser que o cartão é seu, se for o caso.

O processo de pagamento também é mais rápido e simples, já que basta assinar o recibo, ou, no caso dos cartões com chip, digitar a senha. Os cartões também se beneficiam de grande aceitação comercial, sendo atualmente a forma de pagamento mais utilizada nas compras on-line, por exemplo.

Cartão como meio de pagamento
O cartão também pode ajudar no gerenciamento do seu caixa. Como? Simples. Você compra hoje, mas só paga no dia do vencimento da fatura. Desta forma, você consegue administrar melhor as suas contas, pois é possível coincidir a data de vencimento com o pagamento do salário ou com o recebimento de outros rendimentos.

Além disso, com a introdução do pagamento parcelado sem juros através de cartão, as compras com cheques pré-datados têm diminuído cada vez mais. Neste caso, as prestações são lançadas normalmente nas faturas, de acordo com suas respectivas datas de vencimento. Se pagas em dia, não haverá cobrança de juros.

Cartão para saque
Para quem viaja, também é possível utilizar o cartão para sacar dinheiro em qualquer caixa eletrônico conveniado, de forma que o cartão acaba funcionando como um cartão de débito e não são cobrados juros, apenas uma tarifa pelo serviço de saque. Isso sem falar nos benefícios adicionais, como seguro de vida, seguro para aluguel de carro e para perda de bagagem, por exemplo.

Para checar se você pode ou não usar o seu cartão de crédito para saque em um caixa eletrônico no exterior, será preciso checar a “bandeira do seu cartão”. As bandeiras são as empresas que concedem as licenças que permitem o uso do sistema de pagamentos com o cartão de crédito. Elas precisam se associar aos emissores de cartões para que o financiamento do crédito do seu cartão seja viabilizado.

Cartão como linha de crédito
O cartão é usado como forma de financiamento sempre que, na hora de pagar a fatura, você não paga o valor integral, mas apenas parte do valor devido, ou quando usa o cartão para sacar dinheiro nos caixas eletrônicos no Brasil. O grande apelo dos cartões de crédito como forma de financiamento deve-se ao fato de que não é preciso passar por um processo de aprovação de crédito longo, e o limite do cartão é definido rapidamente, e, em geral dura pelo menos dois anos.

Outra vantagem reside no fato de que você pode determinar a data de vencimento das faturas e pagar à medida que seu orçamento permite, pois não existe um valor preciso das prestações, você paga aquilo que pode da fatura. Obviamente, todos os valores não pagos sofrem incidência dos chamados juros rotativos, que estão acima de 13% ao mês, sendo uma das modalidades de financiamento mais caras do mercado.

Não há dúvida de que o cartão veio facilitar a vida das pessoas, mas é preciso cuidado ao utilizar o “dinheiro de plástico” como forma de financiamento. Como se trata de uma das opções mais caras de crédito oferecidas, seu uso só é aconselhado em situações de extrema necessidade, quando outras formas de financiamento não são possíveis, e por prazos curtos de tempo.

A possibilidade de pagar apenas o valor mínimo é uma vantagem que, se não for usada da forma correta, pode fazer a sua dívida crescer, tornando-se difícil de ser quitada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *